Direto da Taça: Vale de Ancho Reserva Tinto 2006, uma rara preciosidade alentejana!

Data

Vale de Ancho Reserva 2006
Oriundo de vinhas situadas em Montemor-o-Novo, no distrito de Évora, esse grande tinto do Alentejo é produzido na Herdade do Menir (Sociedade Agrícola Gabriel F. Dias e Irmãs) apenas em safras de alta qualidade sob os cuidados da dupla de enólogos João Melícias e Jorge Páscoa.
Elaborado sempre em pequenas quantidades (5.000 garrafas na safra 2006) a partir de um blend de Alicante Bouschet e Aragonês, o Vale de Ancho estagia por 9 meses em barricas de carvalho francês e refina seus taninos por mais um ano em garrafa antes de ser lançado. 
Degustei o Vale de Ancho pela primeira vez na safra 2001 e o encanto foi imediato. Outras garrafas de 2001 e das safras 2003 e 2004 se seguiram ao longo dos anos e a qualidade sempre esteve dentro, e até acima de minhas expectativas iniciais, enaltecendo as virtudes que a Aragonês e a Alicante Bouschet apresentam naquele terroir.
A primeira prova desta safra 2006 não foi diferente, um vinho de coloração rubi escura, concentrada e brilhante, que confirmou nos aromas e sabores toda a sua magnitude. Notas de ameixas secas e alcaçuz invadem o olfato e trazem com elas traços sutis de baunilha, cedro e couro. No palato, os taninos potentes mas bem polidos se fundiram perfeitamente com a discreta presença de madeira e uma acidez mediana mas bem equilibrada, dentro do que se poderia esperar de um tinto alentejano. Final de boca longo, suave e muito harmonioso. Em minha opinião, um dos melhores exemplares de todo o Alentejo!

Outros Artigos

Olá, fique mais um pouco. Sou seu Wine Hunter.

Se não encontrou o que realmente procurava, deixe que eu faça isso por você.

Quero te propor a melhor experiência em nosso Marketplace de vinhos!