Um homem com terroir! Hubert de Montille, o enólogo "herói" de Mondovino nos deixou…

Data

Hubert de Montille e seus borgonhas cheios de personalidade…
O célebre enólogo (e advogado) francês de 84 anos de idade, personagem central do documentário Mondovino (2004), faleceu neste final de semana. Segundo relatos da imprensa internacional, ele foi vítima de um ataque cardíaco durante um jantar entre amigos.
Como merecem os grandes homens e pessoas de coração generoso, ele se foi fazendo aquilo que mais gostava: degustar vinhos na companhia dos amigos e celebrando os gloriosos vinhos que a Borgonha lhe permitia produzir. De acordo com a revista francesa Le Point, ele bebia um Pommard Rugiens 1999 no seu momento derradeiro, aliás, um momentum idealizado por ele para encontrar-se com a morte.
Baseado em Volnay, de Montille fez renascer a propriedade de sua família e consolidou-se como um dos mais importantes produtores da Côte de Beaune, deixando sua herança e filosofia vínica transmitida para seus filhos viticultores Etienne e Alix.
Do outro lado do muro, atuando como advogado, ganhou notoriedade (no mundo do vinho) ao vencer nos tribunais uma disputa contra o crítico Robert Parker num caso de difamação contra o Domaine Faiveley. Curiosamente, mas mostrando bem o caráter que o notabilizava, ele exigiu uma indenização de apenas 1 euro do seu oponente. O mais importante era manter a honra de seu cliente…
Para aqueles que tiverem alguma garrafa de borgonha feita por ele, fica a minha sugestão: abra-a e faça um brinde a memória de um grande homem!

Outros Artigos

Olá, fique mais um pouco. Sou seu Wine Hunter.

Se não encontrou o que realmente procurava, deixe que eu faça isso por você.

Quero te propor a melhor experiência em nosso Marketplace de vinhos!