Enomaluquices: "Decantando" vinhos no liquidificador…

Data

Decantando no liquidificador: antes, durante e depois…
Lendo a seção Corkheads, escrita por Jessica Yadegaran no jornal americano San Jose Mercury News, me deparei com esse bizarro método de decantação/aeração de vinhos. Segundo ela, Nathan Myhrvold, um chef de cozinha e ex-diretor de tecnologia da Microsoft, lançou no ano passado o livro “The Cooking Lab”, um volume cheio de dicas para cozinheiros domésticos experimentarem em suas casas. Dentre eles, estava uma que dizia que a melhor maneira de decantar um vinho especial era agitá-lo dentro de um liquidificador por um período entre 30 e 60 segundos, um método que Myhrvold chama de “hyperdecanting”!
Como se sabe, o ritual de decantação do vinho existe desde os tempos romanos, quando os primeiros “sommeliers” descobriram que a melhor maneira de evitar a ingestão das borras dos vinhos era transferindo-os cuidadosamente de seu recipiente para outro, limpo e transparente, deixando o sedimento para trás.
Atualmente o sedimento não é mais tão problemático, pelo menos para consumidor médio, que tende a consumir vinhos comerciais e tiveram seus sedimentos filtrados e clarificados. Ainda assim, a maioria dos especialistas concorda que a exposição do vinho ao ar antes da degustação libera e realça seus aromas e sabores. No caso dos grandes e encorpados tintos ainda jovens, também pode amaciar seus taninos, tornando-o mais palatáveis.
Tradições à parte, um pouco de tecnologia e modernidade não faz mal, mas agitar vinhos num liquidificador? Isso é algo um tanto radical, não acham? Eis aí uma experiência que reluto em realizar… Mas nem todo mundo pensa assim. Tim Ferriss, o premiado autor do programa “The 4-Hour Chef”, jura que o método pode dar resultados surpreendentemente positivos, especialmente com tintos. O vídeo a seguir mostra o método sendo usado por ele com o auxílio de um mix de cozinha:
Posso até ser tachado de conservador, mas ainda não me sinto nenhum pouco à vontade para realizar tal experiência, mas vou fazer um esforço e depois partilho os resultados. Tudo em nome da “enociência”…

Outros Artigos

Olá, fique mais um pouco. Sou seu Wine Hunter.

Se não encontrou o que realmente procurava, deixe que eu faça isso por você.

Quero te propor a melhor experiência em nosso Marketplace de vinhos!