Direto da Adega: Castello di Ama Chianti Classico 2007, um espetáculo de tipicidade toscana! #CBE

Data

Castello di Ama 2007, um clássico Chianti Classico!
O instigante tema escolhido para o mês de junho para a CBE (Confraria Brasileira de Enoblogs) ficou a cargo da dupla do Le Vin au Blog, Cláudio e Rafaela, que sugeriram um “vinho do desapego” de nossas adegas, ou seja, aquele vinho que sempre relutamos em abrir por uma razão qualquer.
No meu caso, escolher apenas um vinho do “desapego” foi uma tarefa bastante difícil, afinal eu tenho apego por “todos” os meus vinhos! Com um pouco de tempo para pensar, acabei optando por este classudo Chianti do Castello di Ama da safra 2007. 
Por aqui chegam as uvas que fazem os ótimos vinhos do Castello di Ama
O meu “apego” com esse chianti não se devia ao fato que ele fosse raro ou excepcional, mas sim pela ocasião especial ligada à sua aquisição, feita durante uma memorável visita a essa vinícola toscana que também é um rico museu à céu aberto, repleto de obras de arte contemporâneas.
O lugar de repouso dos Chiantis no Castello di Ama
Produzido com um corte composto por 80% Sangiovese e outros 20% divididos entre Malvasia Nera, Merlot e Cabernet Franc, o Castello di Ama 2007 amadureceu em barricas de carvalho (20% novos) por 13 meses, alcançando a qualidade desejada para apresentar o melhor Chianti Classico que a safra pudesse oferecer.
Impressões de degustação:
Típica coloração rubi mediana e levemente translúcida. Aromas frescos de frutas vermelhas, baunilha, com um delicioso toque floral e de especiarias. Paladar muito gastronômico e equilibrado, com taninos médios e refinados, acidez muito agradável e final de boca longo e aveludado. Um Chianti Classico acima da média! Importado pela Mistral (R$205,00). 
Avaliação: 92C.

Outros Artigos

Olá, fique mais um pouco. Sou seu Wine Hunter.

Se não encontrou o que realmente procurava, deixe que eu faça isso por você.

Quero te propor a melhor experiência em nosso Marketplace de vinhos!