Direto da Taça: Angelini La Villa Vino Nobile de Montepulciano 1996, quando uma garrafa magnum faz toda a diferença!

Data

Angelini La Villa Vino Nobile de Montepulciano 1996: no auge de seu amadurecimento…
 Esse tinto italiano da Toscana foi, em minha avaliação, o grande destaque num jantar harmonizado com vinhos da França (Château Berliquet 1998 magnum), Espanha (Alzania Seleccion Privada 2004) e Portugal (Secret Spot 2006).  
Elaborado com uvas do vinhedo “La Villa”, localizado em Valiano di Montepulciano, esse Vino Nobile de Montepulciano só é feito em anos de qualidade excepcional com um corte de 90% Prugnolo Gentile (clone de Sangiovese), 5% Cabernet Sauvignon e 5% Petit Verdot. Para alcançar seu amadurecimento ideal, ele estagiou por 18 meses em barricas de carvalho francês e mais 9 meses de afinamento na garrafa.
Impressões de degustação:
Cumprindo um dos objetivos do jantar harmonizado, essa garrafa magnum de La Villa 1996 (uma das 500 produzidas nesta safra) sobreviveu em perfeitas condições por longos 17 anos, chegando num magnífico estágio de evolução. Coloração vermelho rubi brilhante e leve halo aquoso (a luz do restaurante não ajudou muito nesse aspecto). Aromas complexos e delicados de especiarias (tomilho, sálvia), notas ligeiramente terrosas e de fungos. Na boca, mostrou-se muito equilibrado e gastronômico, com acidez bastante viva, taninos bem polidos e madeira muito bem integrada. Harmonizou maravilhosamente bem com um mini penne ao molho de funghi porcini escolhido para escoltá-lo. Um vinho perfeito para a mesa (como devem ser todos os bons vinhos italianos) e que deixou, comparativamente, o Berliquet na sombra…

Outros Artigos

Olá, fique mais um pouco. Sou seu Wine Hunter.

Se não encontrou o que realmente procurava, deixe que eu faça isso por você.

Quero te propor a melhor experiência em nosso Marketplace de vinhos!